Governo federal decide adiar provas do Concurso Nacional Unificado em razão do desastre climático no RS
CONCURSOS
569

Governo federal decide adiar provas do Concurso Nacional Unificado em razão do desastre climático no RS

Decisão vale para todo o país

Por Belchyor Teston
04/05/2024 07:11
Compartilhar
        


O governo federal decidiu adiar as provas do Concurso Nacional Unificado em função do desastre climático no Rio Grande do Sul. As avaliações seriam aplicadas no próximo domingo (5) em 228 municípios brasileiros. No Estado, a seleção ocorreria em 1o cidades: Bagé, Caxias do Sul, Farroupilha, Passo Fundo, Pelotas, Porto Alegre, Santa Cruz do Sul, Santa Maria, Santo Ângelo e Uruguaiana.

A decisão vale para o todo o país, segundo fontes do governo federal. Ainda não foi definida a nova data do exame. Uma reunião acontece na tarde desta sexta-feira (3) em Brasília.

Mais cedo, o ministro-chefe da Secretaria de Comunicação da Presidência, Paulo Pimenta, em entrevista ao CanalGov, do governo federal, afirmou que cerca de 6 mil candidatos ao "Enem dos concursos" no RS estão em municípios em situação de emergência, ou sem acesso às cidades onde haverá prova, por conta dos bloqueios e estragos da chuva.

Praticamente todos os municípios onde haveria prova enfrentam graves prejuízos, alagamentos, deslizamentos de terra e problemas na infraestrutura. Havia expectativa dos candidatos pelo adiamento, principalmente por conta das dificuldades no deslocamento para o local de prova. Nas redes sociais, muitos relataram também que perderam documentos por conta da enchente e que os locais de prova ficaram prejudicados.

A chuva deve perder força a partir desta sexta, quando se desloca em direção a Santa Catarina. Apesar disso, ainda deve chover no final de semana, em menor intensidade, em boa parte do RS. Além da chuva, o alerta do Inmet inclui a possibilidade de vento, granizo e raios.

Fonte: GZH




Notícias Relacionadas