11 agosto 2022 | 15h05
  244
Compartilhar      
Tráfico de drogas segue como o principal motivo de homicídios em Passo Fundo, afirma delegada
Neste ano, já foram registrados 26 homicídios

A delegada Daniela Oliveira Minetto, titular da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa de Passo Fundo esteve concedendo entrevista nesta quarta-feira, 10/08. Entre os assuntos destacados esteve os números de crimes contra a vida neste período e os trabalhos de investigação da Polícia Civil.

Conforme o último levantamento da delegacia, foram registrados de janeiro a 10/08 deste ano, 26 homicídios. A delegada destaca, que a maioria dessas ocorrências tem vinculação com o tráfico de drogas. “No ano passado tivemos números parecidos. No mesmo período foram registrados 25 homicídios, e esses índices também tinham como principal fator o consumo e comercialização das drogas. Sobre a característica das vítimas, são muito semelhantes, pessoas que moram em áreas periféricas e já possuem antecedentes criminais”, destaca Minetto.

De acordo com o Fórum Brasileiro de Segurança Pública, o Brasil tem um índice de resolução dos casos na média dos 10%, enquanto a cidade de Passo Fundo está com uma marca de 90%. “Essa é uma tendência de todo Rio Grande do Sul, com a chegada das delegacias especializadas o objetivo era exatamente este. O trabalho é canalizado para o tipo especifico de crime e isto contribuiu na elucidação dos casos”, afirmou a delegada.

No momento em que ocorre este tipo de crime, muitas pessoas que estão próximas ao fato, ficam curiosas para saber o que aconteceu e a identidade da vítima. E muitas vezes acabam atrapalhando o trabalho da polícia e IGP. Sobre estes momentos a delegada pede a compreensão da comunidade e responsabilidade, pois qualquer fator pode acabar prejudicando nas investigações.

Fonte: Rádio Planalto

Copyright 2017 © Todos os direitos reservados - Rádio Tapejara FM 101.5. contato@radiotapejara.com.br
57.197.994 de acessos desde 2009