25 janeiro 2022 | 06h08
Atualizado em 25 janeiro 2022 | 06h10
  5.6K
Compartilhar      
Jovem é resgatado após sair de trabalho escravo em obra de Passo Fundo
Ele relatou que mais pessoas estão na mesma situação

Na tarde desta segunda-feira, 24/01, por volta das 13h30, na ERS-324, Km-192, a Força Tática do 1º Batalhão Rodoviário da Brigada Militar atendeu uma ocorrência de trabalho análogo a escravidão.

Após uma ligação anônima no telefone de emergência 198, informando que uma criança com uma mochila nas costas estaria chorando às margens da rodovia, os policias militares deslocaram até a rodovia supracitada onde se depararam com um homem de 20 anos aos prantos caminhando no acostamento da via.

Ao se aproximar a guarnição indagou ao cidadão o que estava acontecendo e o mesmo informou que mora em Sapucaia do Sul e recebeu uma proposta de emprego para trabalhar em uma obra na cidade de Passo Fundo com a promessa de salário de R$ 1.200,00. Porém, após mais de um mês de trabalho não recebeu pagamento algum pelo seu trabalho, recebendo apenas pão e mortadela, de alimentação, por parte do patrão.

O cidadão foi acolhido no pelotão rodoviário de Passo Fundo onde recebeu alimentação e água por parte dos policiais, foi tentado sem êxito contato com a família do mesmo para informar a situação que o mesmo estava enfrentado neste momento.

Ao ser indagado se havia mais operários trabalhando na obra, respondeu que sim, e que todos estavam passando fome e não recebiam salário, tampouco uma passagem para voltar até suas casas, motivo pelo qual resolveram abandonar a obra e deslocar mesmo que a pé para sua cidade natal.

Diante dos fatos e da situação análoga à escravidão relatada pelo cidadão o mesmo foi conduzido até a Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA) para registro dos fatos, que serão investigados pela Polícia Civil.

Fonte: Rádio Uirapuru

Copyright 2017 © Todos os direitos reservados - Rádio Tapejara FM 101.5. contato@radiotapejara.com.br
56.734.021 de acessos desde 2009