Sobreviventes de intoxicação em Vacaria recebem alta hospitalar
SAÚDE
2.1K

Sobreviventes de intoxicação em Vacaria recebem alta hospitalar

Irmãos permanecerão aos cuidados de familiares

02/04/2024 14:16
Compartilhar
        


Os irmãos Elias Costa da Silva, de nove anos, e Vitória Costa da Silva, de sete anos de idade, receberam alta hospitalar nessa segunda-feira (01), após 22 dias internados em decorrência de uma intoxicação por monóxido de carbono, em Vacaria. Ambos chegaram a passar 18 dias em uma UTI do Hospital Universitário de Santa Maria devido à gravidade do estado de saúde.

Elias e Vitória sobreviveram à intoxicação provocada por um gerador de energia utilizado pela família. Eles receberam a visita da Guarda Municipal de Vacaria e presentes de páscoa dos agentes.

A mãe das crianças, Cíntia de Moraes Costa, de 36 anos, já estava morta quando a família foi encontrada desacordada, na manhã do dia 10 de março. Três filhas dela, Ana Júlia Costa da Silva, de 15 anos, Cíntia Maria Costa da Silva, de 11, e Samara Costa da Silva, de três anos de idade, chegaram a ser socorridas, mas morreram durante atendimento médico.

O companheiro da mãe das crianças, Maique Santos da Silva, de 31 anos, que também sobreviveu, permaneceu internado no Hospital Nossa Senhora da Oliveira até o dia 18 de março, quando recebeu alta e prestou depoimento à polícia. O homem informou que era comum a família utilizar o gerador de energia dentro de casa, mas alguém sempre o desligava após um tempo de uso. Na noite do fato, no entanto, todos teriam adormecido e o equipamento permaneceu ligado.

Elias e Vitória vão permanecer sob a guarda de familiares.

Jornalismo Rádio Tapejara




Notícias Relacionadas