07 abril 2021 | 08h04
  406
Compartilhar      
Estudo aponta vantagens de substituir trigo por milho na ração animal

Os produtores de aves e suínos podem substituir até 100% do milho na ração animal pelo trigo sem perda de nutrição. A conclusão é de estudo feito pela Embrapa Trigo. Um dos objetivos da pesquisa é contribuir com a ampliação da produtividade das culturas de inverno na região Sul.

Segundo Osvaldo Vieira, chefe-geral da Embrapa Trigo, a inclusão do cereal pode favorecer tanto a indústria de proteína animal quanto os produtores.

“Podemos aumentar a competitividade das indústrias no Sul, especialmente em Santa Catarina, que hoje enfrenta dificuldades para a importação de milho em função da competitividade do grão em outras regiões do país”, conta Vieira.

Além do trigo, o triticale também é uma opção viável para substituir o milho na ração animal, conforme explica o chefe-geral da Embrapa Trigo. “A grande vantagem é que esta cultura é rústica, já que apresenta excelente produtividade, sanidade e um custo mais favorável para o produtor, ao mesmo tempo em que atende a indústria de proteína animal”, destaca.

Ainda de acordo com Osvaldo Vieira, ao optar pelo uso de trigo, a ração não sofre nenhuma perda nutricional. “A China tem importado bastante trigo para utilizar na ração de suínos. Portanto acredito que temos um grande potencial a ser desenvolvido nas culturas de inverno no Rio Grande do Sul e Santa Catarina”, finaliza.

.

Fonte:

Canal Rural

Copyright 2017 © Todos os direitos reservados - Rádio Tapejara FM 101.5. contato@radiotapejara.com.br
54.359.079 de acessos desde 2009