08 julho 2020 | 09h35
  502
Compartilhar      
Enchentes deixam mais de 340 pessoas fora de casa no RS
Temporal provocou a morte de um homem em Caxias do Sul

As enchentes causadas pela forte chuva que atingiu diversas cidades gaúchas nessa terça-feira deixaram mais de 340 pessoas fora de casa no Rio Grande do Sul. De acordo com a Defesa Civil do Estado, além de provocar a morte de um homem em Caxias do Sul por conta de um deslizamento, o temporal obrigou 341 pessoas a saírem de casa, sendo que 276 pessoas estão desabrigadas e outras 65 estão desalojadas. Ao menos seis municípios registraram estragos em função do temporal.

Em Lajeado, 160 pessoas, o que representa 40 famílias, foram removidas para o Parque do Imigrante por conta da cheia do rio Taquari. Já em São Sebastião do Caí, 91 pessoas que moram às margens do rio Caí foram obrigadas novamente a deixarem as suas casas. Ao todo, 27 famílias estão abrigadas no ginásio Rio Branco.

A estimativa da Defesa Civil é de que 320 casas foram afetadas por inundações no Rio Grande do Sul. Em Santa Rosa, há a inundação de dois arroios que cruzam parte da cidade. Nesta localidade, 25 pessoas tiveram de ser removidas foram levadas para o ginásio Liminha. Já nas cidades de Ijuí e Santa Tereza, outras 64 pessoas que estão desalojadas foram deslocadas para casas de parentes e amigos.

Mais de 100 milímetros

Segundo a Somar Meteorologia, as regiões dos municípios de Vacaria, Santa Rosa, Passo Fundo e Santo Augusto foram as que registraram mais de 100 milímetros de chuva em 24 horas.

A atual imagem de radar mostra que ainda chove de maneira moderada na faixa nordeste e parte da leste e centro do Estado, além do nordeste de Santa Catarina. Nas demais áreas do sul gaúcho, a chuva é mais fraca.

Fonte:

Au online

Copyright 2017 © Todos os direitos reservados - Rádio Tapejara FM 101.5. contato@radiotapejara.com.br
52.368.675 de acessos desde 2009