10 agosto 2019 | 07h56
  433
Compartilhar      
Moradores reclamam de ardência nos olhos ao tomar banho em Porto Alegre

Moradores de Porto Alegre estão reclamando de ardência nos olhos ao tomar banho. As três situações relatadas a GaúchaZH ocorreram em condomínios nos bairros Jardim Carvalho, São Sebastião e Petrópolis. Laudos encomendados pelos conjuntos habitacionais não apontaram anormalidades que justifiquem esse problema.

Na Rua Curvelo, bairro Petrópolis, o advogado Raccius Potter, 34 anos, relata que desde a mudança para o condomínio, ocorrida há um mês, sente os olhos arderem ao tomar banho. No grupo de condôminos no WhatsApp, ele soube que a reclamação era geral.

— Chega a incomodar depois do banho, uma hora depois ainda é possível sentir — relata.

O mesmo problema foi relatado em um prédio do bairro São Sebastião, na Avenida Assis Brasil, há um mês. O síndico, Elmario Gomes Dutra Junior, contou que parte dos condôminos baixaram a temperatura da água e não tiveram mais problemas, mas ele não soube explicar se havia relação. Desde que se tornou síndico, em 2017, foi a primeira vez que recebeu essas reclamações.

Por meio de assessoria de imprensa, o Dmae afirma que não se trata de um problema na cidade, uma vez que "a água está normal seguindo os parâmetros de potabilidade do Ministério da Saúde e da Secretaria Estadual da Saúde".

O órgão afirma que, no inverno, as pessoas costumam tomar banho com água mais quente, e o cloro presente na água se desprende com mais facilidade em altas temperaturas. Algumas pessoas mais sensíveis podem sentir um pouco de irritação nos olhos e pele. A adição de cloro é uma exigência da legislação que regula a qualidade da água.

O engenheiro químico Fabiano Pulice, que atua com tratamento de água, dá uma dica:

— Sugiro deixar uma fresta da janela aberta ou comprar um aparelho desumidificador.

Ele acredita que o motivo seja a névoa que se forma em razão da água quente dentro do banheiro. No inverno, moradores costumam deixar fechadas as janelas da peça em razão do frio — o vapor de água também inclui cloro.

Fonte:

R. Gaúcha

Copyright 2017 © Todos os direitos reservados - Rádio Tapejara FM 101.5. contato@radiotapejara.com.br
50.424.075 de acessos desde 2009