15 março 2019 | 15h56
  164
Compartilhar      
Mais de 500 pessoas participam de Feira de Saúde do Dia Mundial do Rim
Dados mostram que, uma em cada 10 pessoas tem doença renal.

O Hospital São Vicente de Paulo (HSVP) de Passo Fundo, através do Serviço de Terapia Renal Substitutiva e com o apoio da Sociedade Brasileira de Nefrologia e Residência Multiprofissional Integrada promovida pelo HSVP, Universidade de Passo Fundo (UPF) e Prefeitura Municipal de Passo Fundo, realizou neste dia 14 de março, uma Feira de Saúde alusiva ao Dia Mundial do Rim. Mais de 500 pessoas passaram pela Feira e receberam orientações de saúde e nutricionais, realizaram teste de Glicemia, Verificação de Pressão Arterial e avaliação nutricional. A atividade objetivou alertar sobre os riscos da Doença Renal Crônica, além de prevenir e informar a comunidade.

Conforme a Enfermeira do Serviço de Terapia Renal Substitutiva, Vera Lúcia Fortes, os profissionais saíram do ambiente hospitalar, onde cuidam da doença, para levar até a comunidade a forma de evitar e prevenir os problemas de saúde relacionados ao rim. “Queremos que as pessoas se conscientizem da importância de proteger seus rins, para não necessitar de uma máquina de diálise. Todos nós devemos nos cuidar, mas, principalmente, as pessoas que já tem algum outro problema de saúde como, Pressão Alta e Diabetes Mellitus, que são fatores de risco para a Doença Renal Crônica”, salientou Vera, avaliando ainda a ação. “Percebemos as pessoas interessadas com as dicas e orientações e isso é muito válido. Se de todas essas pessoas que passaram por aqui, pelo menos 10 se conscientizarem e cuidarem da saúde dos rins, já foi muito proveitoso o nosso evento”, analisou a enfermeira.

Na Feira de Saúde, o que chamou bastante atenção das pessoas foi uma exposição realizada pelos residentes da Nutrição. Alimentos industrializados que consumimos no dia a dia, foram colocados ao lado de um pote que continha a quantidade de sal de cada um deles. Muitos não sabiam que ingeriam tal quantidade de sal, um dos vilões da saúde renal. Lourdes da Silva Padilha, 71 anos, participou da atividade antes do almoço e após ouvir a explicação disse que iria para casa fazer comida e tomar mais cuidado com o sal e alimentos industrializados. “Geralmente procuramos os profissionais de saúde quando estamos doentes e essa ação foi uma oportunidade excelente para vermos como está nossa saúde e prevenir alguma doença. Fiquei feliz porque vi que está tudo bem, gostei bastante!”.

O evento contou também com a animação da “Rinalda”, rim mascote da atividade que alegrou e informou a população.

Fique atento!

Dados mostram que, uma em cada 10 pessoas tem doença renal no mundo. Por isso, fique atento a sinais sintomas e siga algumas dicas, preconizadas pela Sociedade Brasileira de Nefrologia para o cuidado com os rins: Cuidar da pressão arterial, controlar o açúcar no sangue, fazer atividades físicas, ter uma boa alimentação e controlar o peso, beber bastante água, não fumar e tomar medicação sem orientação médica.

Assessoria de Comunicação HSVP/Caroline Silvestro

Copyright 2017 © Todos os direitos reservados - Rádio Tapejara FM 101.5. contato@radiotapejara.com.br
49.140.199 de acessos desde 2009