22 fevereiro 2017 | 15h12
Atualizado em 22 fevereiro 2017 | 17h13
  1.1K
Compartilhar      
Travessias elevadas são adotadas em Sananduva

Por mais segurança, travessias elevadas são adotadas no Município.

Quem trafega pelo centro de Sananduva já deve ter notado a intervenção para melhoria na travessia de pedestres e principalmente para diminuir a velocidade dos veículos em alguns trechos. A medida atende a solicitação da comunidade preocupada com a segurança e resultou na adoção de lombadas com o objetivo de moderar o tráfego e evitar acidentes.

A mistura de lombada e faixa de pedestre tem a finalidade de reduzir o número de colisões, já que o veículo é obrigado a diminuir a velocidade devido ao obstáculo. O serviço foi executado primeiramente em dois locais: na Avenida Pioneiro Fiorentino Bacchi (em frente a Prefeitura Municipal) e na Avenida Dr. Salzano da Cunha (em frente a loja Benoit) e foi realizado em várias etapas, com a escavação, limpeza, colocação de pavers, pintura e finalização. A execução das travessias elevadas foi cuidadosamente acompanhada por profissional de engenharia do Município. Como resultado, em uma semana de implantação foi possível colher retornos positivos e a satisfação da população.

A comunidade aprovou

O abuso da velocidade era alvo de queixas constantes, provocando acidentes e causando riscos a crianças e idosos que trafegam pela cidade. A lombada que é mais larga e elevada foi a solução encontrada pela gestão de Sananduva para evitar esses acidentes em locais críticos para a circulação de veículos e pedestres.

O comerciante Alceu da Costa, acostumado a presenciar o abuso de velocidade por alguns motoristas, aprovou a iniciativa. Ele conta casos absurdos que já presenciou em frente ao seu estabelecimento comercial na Avenida Salzano da Cunha. “Minha sobrinha foi atropelada ao atravessar a rua, há muitos estudantes indo e vindo das escolas próximas. Todos os dias nós víamos carros e motos em alta velocidade, por isso essas elevações foram excelentes”, salienta Alceu. Luciano Branco trabalha em uma loja próxima de onde foi instalada uma elevação. Para ele, o resultado é visível. “A melhoria na diminuição de velocidade dos veículos é nítida, principalmente nos fins de semana. O pedestre atravessa com mais segurança agora”, explica ele.

A faixa de pedestres elevada mostrou funcionalidade e também agradou os pedestres como dona Cleusa dos Santos. “Agora a gente sabe que na hora de atravessar os carros vão respeitar e parar, dá mais segurança para atravessar”, conta ela. Luciano Raymundi é morador na Avenida Fiorentino Bacchi e conta que a solicitação havia sido feita devido a velocidade dos veículos na pista e a circulação de pessoas, principalmente idosos que frequentam a Igreja São João Batista. “Já podemos notar que a velocidade dos veículos diminuiu bastante nesse trecho de grande movimentação. Quero parabenizar a gestão atual por entender nossa demanda e atendê-la de imediato”, reforçou Luciano.

A responsável pelo Órgão Municipal de Trânsito de Sananduva, Diana Piovezan, acompanhou de perto todo o estudo em conjunto com o Comtran – Conselho Municipal de Trânsito, que indicou a travessia elevada como solução mais indicada para dar prioridade de travessia aos pedestres em proximidades de cruzamentos. Aos motoristas, o cuidado em sinalizar a travessia foi redobrado. “Como as faixas elevadas são obstáculos na pista, demandamos de uma sinalização ostensiva vertical e horizontal da via pública que favoreça a visibilidade pelo condutor”, confirmou Diana, que destaca ainda a adoção nos próximos dias de travessias elevadas também no entroncamento da Avenida Salzano da Cunha com a Rua Frei Geraldo e no entroncamento desta Avenida com a Dr. Silveira Neto.

“A saída encontrada é fruto de um estudo detalhado sobre a solução mais adequada para a nossa cidade. Além disso, é econômica e funcional”, declara o prefeito municipal, Leomar José Foscarini, mencionando o investimento de R$7.350,00 para implantação das travessias. O trânsito seguro é responsabilidade de todos, sejam motoristas, motociclistas, ciclistas e pedestres. Respeito às leis e regras de trânsito são fundamentais e favorecem o fim da violência no trânsito. E ainda, mais paciência, gentileza e responsabilidade, princípios básicos para um trânsito mais humanizado.

Fonte: Assessoria de Comunicação da Prefeitura Municipal de Sananduva

Copyright 2017 © Todos os direitos reservados - Rádio Tapejara FM 101.5. contato@radiotapejara.com.br
44.099.519 de acessos desde 2009