11 janeiro 2017 | 14h01
  464
Compartilhar      
Chamada do leite encerra com avaliação positiva em Santo Expedito do Sul
Cerca de 50 pessoas participaram do evento

Depois de três anos trabalhando com 40 famílias, a Emater de Santo Expedito do Sul e Tupanci do Sul encerrou as atividades da chamada do leite na última sexta-feira (06) na Sede Claudino em Tupanci do Sul com uma avaliação positiva.

Cerca de 50 pessoas participaram do evento que contou com a presença dos prefeitos e primeiras-damas dos dois municípios.

Segundo o diretor da Emater de Santo Expedito do Sul, muitas atividades foram desenvolvidas, como experiências em dias de campo, visitas em feiras, demonstrações e palestras para 20 famílias de cada município, com produção média de 100 litros de leite ao dia.

Com objetivo de levar mais conhecimento e também evitar que pequenos produtores sejam excluídos da atividade, vários trabalhos junto à parcerias foram firmados e já realizados.

Na última palestra foi demonstrado aos produtores, uma comparação de que um hectare de soja, com produção média de até 60 sacas de soja, gera uma renda de aproximadamente R$ 06 mil por ano, onde na mesma área, apenas três vacas de leite, produzindo 15 a 20 litros ao dia cada, traz uma renda aproximada de R$ 09 mil reais/ano.

“Esse comparativo o produtor tem que fazer, porque ele mostra que o pequeno produtor tem que produzir leite não soja, pois além de ser uma renda mensal o custo é bem menor principalmente aqueles que não tem maquinários para produzir soja”, destacou o diretor Renato.

As reuniões também eram destinada para as mulheres que participavam em oficinas com hortas, artesanato e alimentação como a feita na última sexta-feira (06), com produção de massas coloridas e com sabores diferentes.

As extensionistas Rose e Alini afirmaram que a avaliação foi muito positiva com a participação das mulheres que desempenharam várias funções nestes três anos da chamada do leite.

A Emater afirma que continuará acompanhando os produtores para que este trabalho continue dando bons frutos.

Fonte: Jornalismo Amiga FM

Copyright 2017 © Todos os direitos reservados - Rádio Tapejara FM 101.5. contato@radiotapejara.com.br
44.099.398 de acessos desde 2009